Almoçar é relativo… e Hector em casa!

Oi, como falei, as piadinhas voltaram.

Uma coisa que acontece muito na produção de tira é ter uma idéia com diversas versões, e o autor acaba fazendo uma sequência com elas. Como já aconteceu aqui, como as tirinhas de Vida de Escritor, quando o Hector estava a caminho da Bienal ou quando ele estava gripado, na Velhinha da Pipoca… Bem, são várias.

É um recurso muito válido, até porque é complicado para um autor ter uma idéia para tira, então acabamos espichando a idéia para ganharmos um dia de tirinha.

Mas aqui no blog eu percebi que isso satura um pouco, até porque as atualizações são, a princípio, três dias por semana: Terças, quintas e sábados.

Ou seja, quando um assunto se estende por uma semana no jornal, aqui no blog ele dura duas semanas!

Então, sempre que eu puder – isso quer dizer ter uma frente de tiras em relação ao jornal – eu postarei aqui sequências de tiras sobre um assunto. Isso não acontecerá sempre, é claro, para não sacrificarmos uns dias de post, mas sempre que for interessante farei isso.

Hector em em minha casa – logo na de vocês!

Fui a Vitória unir o útil ao agradável: Ver como anda a produção dos bonecos do Hector e Afonso e visitar a minha mãe. Mas nunca dá para ir a Vitória sem visitar alguns lugares.

Passei pelo jornal onde eu trabalhava, o A Tribuna. Conversei com a galera da Redação, da Rádio e depois fui visitar compadres, amigos… até que meu tênis pediu demissão. Metade da sola do meu pé esquerdo abriu e a visita que tive que fazer foi numa loja de tênis.

Depois da minha peregrinação por Vitória para ver a Grande Piadora, aproveitei o embalo para buscar parte da produção dos Passarinhos. Infelizmente o Afonso, orgulhoso que só, não quis vir com a gente e vem com a sua galera na terça.

Então quem comprou a dupla dinâmica vai esperar um pouquinho mais, mas não vai se arrepender!

Fiquem com três fotos da aventura:

Baixa de guerra…

Hector e eu!

Hector no ônibus para casa.

Próxima parada do Hector (e do Afonso): A SUA CASA!

Não deixe de encomendar o Hector e o Afonso na lojinha!

Uma resposta para “Almoçar é relativo… e Hector em casa!

  1. É bem por aí Estevão, eu peguei o hábito de anotar todas ideias, por mais absurdas naquele momento, mas ótimas depois para um novo projeto.

    Desenhe que eles virão😉

    Abraços

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s