A altura dos sonhos…

A “vibe” está tão reflexiva que estou até com medo de colocar algum besteirol aqui e eles estão se acumulando. Então, no sábado não escapa: teremos piadinhas bobas por aqui novamente.

Mas é bom quebrar o ritmo de vez em quando, balançar a galera que acompanha os piados de Hector, Afonso e Cia.

Estou correndo pelos bastidores para trazer surpresas para vocês e espero que seja breve – até porque eu fico remoendo as coisas e acabo soltando antes da hora, como os bonecos🙂

Aliás, a grande expectativa da chegada dos bonecos do Hector e Afonso. Acreditem, a minha é tão grande quanto a dos felizardos que encomendaram o primeiro lote. Dia 30 está chegando!

Fazer as coisas que estou pensando por conta própria tem sido um desafio grande, mas não é impossível. É fazer medindo a altura dos seus sonhos.

A tirinha da semana passada sobre sonhos menores não é de toda pessimista. Às vezes é saudável dar uma altura para os sonhos. Ou decidir a importância dele em sua vida. Se o sonho que tem é para ficar onde está, a uma distância segura, o fazendo caminhar, correr e pular em sua direção sem nunca alcançá-lo para, assim ter sempre motivos para continuar se movendo ou ser um sonho possível, metas pequenas, mas desafiadoras, como acordar cedo e caminhar.

– Ah, mas com o tempo que me falta é impossível, pensa você.

Um dia você acorda mais cedo, vai beber um copo d’agua e percebe que, ao invés de voltar para a cama, você pode trocar de roupa caminhar.

A altura de seu sonho pode ser marcada naquele momento. Cabe a você decidir se quer sonhar na cama ou viver um sonho.

Até sabadão!

5 Respostas para “A altura dos sonhos…

  1. Ainda rola de voar mais alto!

  2. Vai firme bro, que os sonhos chegarão nas mais altas alturas.

  3. É isso aí Estevão, para voar devemos primeiro pegar impulso.

    Abraços e um ótimo dia!

  4. Perfeito. Essa tirinha mostra exatamente o que estou sentindo hoje.🙂

    Abraços

    Jota

  5. Estevão – este post é algo com o que eu posso me relacionar. No meu caso, o desejo de criar uma tirinha veio de muitos anos atrás, mas não foi até so poucos meses que decidi enfrentar o desafio de criá-la. Desafio enquanto tem que tirar tempo de onde não há, dormir pouco e ter disciplina quase militar. Mas aí va saindo aos poucos e melhorando com cada passo. E isso é o que é – virar algo que você acreditava impossível em algo possível. Abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s